A Prefeitura de Teresina encerra nesta quinta-feira (12) a agenda de reuniões e visitas técnicas com representantes da Cooperativa Andina de Fomento (CAF), Banco de Desenvolvimento da América Latina, que financia obras do Programa Teresina Sustentável, vinculado à Secretaria Municipal de Planejamento (Semplan).

Na última quarta-feira (11) foram feitas visitas técnicas, durante a manhã, voltadas para obras em execução, e no período da tarde, aos locais das novas propostas de execução situadas nas zonas Norte e Leste da cidade. “Essas obras recebem o apoio do banco, é uma operação que eles mantém com a Prefeitura no total de US$45 milhões, com a nossa contrapartida idêntica, e ainda temos muito a aplicar esses recursos. Vamos trabalhar juntos para que possamos, a desejo do Dr. Pessoa, aplicar esses recursos para o desenvolvimento de Teresina”, pontua o secretário municipal de planejamento, João Henrique Sousa.

Fotos: Certare Engenharia

O objetivo do programa é contribuir para o desenvolvimento econômico, social e ambiental de Teresina, mediante a realização de intervenções em mobilidade urbana, assentamentos precários, requalificação urbano-ambiental e na melhoria da gestão municipal.

“As visitas iniciaram pelo Parque Floresta Fóssil, às margens do rio Poti onde compreende a construção de prédios administrativos, como também um museu que irá contemplar os passeios turísticos da nossa cidade. Partimos para a Vila da Paz, onde compreende a introdução de um parque no bairro, trazendo urbanização e qualidade de vida para o local. Seguimos para o parque Rodoviário, que possui características similares à Vila da Paz. Estivemos na Avenida Marginal Poti, na zona Sul, uma via de extrema importância para Teresina. Por fim, voltamos ao Centro da cidade, onde visitamos as obras de revitalização e o mercado central, que vai passar por uma reforma, também de revitalização”, explica Hebert Leal Araújo, assessor técnico da unidade de gerenciamento do programa Teresina Sustentável (UGP).

A equipe da CAF presente nas visitas é formada pelo executivo Diego Vettori e os especialistas técnicos, Paulo Rodrigues e Yerko Eterovic, representando a Prefeitura de Teresina estavam presentes o secretário executivo de captação de recursos e monitoramento (SECREM), Ítalo Portela, e o corpo técnico responsável pelo programa. ”Nesses três dias de reuniões e visitas técnicas recebemos os representantes da CAF, fizemos a apresentação da situação atual do programa e a revisão dos principais aspectos físicos, financeiros, ambientais e sociais do programa e também uma revisão de proposta para aditivos neste contrato”, conclui Raquel Lima, coordenadora do programa Teresina Sustentável.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).