Região Integrada de Desenvolvimento – RIDE Grande Teresina

teresina_vista--aérea

A Região Administrativa Integrada de Desenvolvimento do Polo Grande Teresina foi criada pela Lei Complementar nº 112, de 19 de setembro de 2001, e regulamentada pelo Decreto nº 4.367, de 9 de setembro de 2002.   A RIDE tem como objetivo articular e harmonizar as ações administrativas da União, dos estados e dos municípios para a promoção de projetos que visem à dinamização econômica e provisão de infraestruturas necessárias ao desenvolvimento em escala regional.

Enquanto institucionalidade legalmente constituída, a RIDE tem prioridade no recebimento de recursos públicos destinados a investimentos que estejam de acordo com os interesses consensuados entre os entes. Esses recursos devem contemplar demandas por equipamentos e serviços públicos, fomentar arranjos produtivos locais, propiciar o ordenamento territorial e assim promover o seu desenvolvimento integrado.

Competência

Cabe à articulação e disponibilização harmônica de ações administrativas da União, os municípios que compõem esta Região Integrada de Desenvolvimento (RIDE). Eles fazem parte de um grupo onde a área de planejamento e geração de políticas públicas é comuns entre eles, com o objetivo de proporcionar o desenvolvimento comum de sua população.

Abrangência

Com a atualização do decreto DECRETO Nº 10.129, DE 25 DE NOVEMBRO DE 2019, a RIDE da Grande Teresina é constituída pelos Municípios de Altos, Beneditinos, Coivaras, Curralinho, Demerval Lobão, José de Freitas, Lagoa Alegre, Lagoa do Piauí, Miguel Leão, Monsenhor Gil, Teresina e União, no Estado do Piauí, e pelo Município de Timon, no Estado do Maranhão.

Clique aqui e confira o Diagnóstico Situacional Participativo da Ride Grande Teresina

Clique aqui e confira a apresentação sobre o Plano de Ação

Clique Aqui e confira os  Relatórios Dinâmicos dos municípios sobre o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).